sexta-feira, 14 de junho de 2013

Ainda a escrita

Ainda em modo de escrita, na minha ilha. Sim, é minha, para já, porque fui eu que a inventei. Aqui vão alguns dos seres e elementos que a habitam. Talvez só consiga publicar este livro a partir do momento em que terminar a escrita dos 3 volumes. Quem sabe? Não tem sido fácil, confesso. E eis que, em vez de desanimar, me deu para regressar à escrita com todo o entusiasmo. Há coisas assim, paradoxais, que é melhor nem tentar compreender. Talvez escreva agora pelas razões mais certas. Sem expectativas. Escrever, por escrever. 



Sem comentários:

Publicar um comentário